MÊS DE PURUSOTTAMA - 17/06 A 16/07/15

17 Junho, 2015




Hoje é um dia super excelente e muito auspicioso.

Porque a partir de hoje temos que observar o Purusottam-vrata (voto do mês Purusottam). Em sânscrito é chamado adik-masa-vrata. Adik significa extra, masa é mês, o que significa que temos que observar este mês extra. Ele deve ser observado da mesma maneira que o kartik-vrata. Gurudev nos ensinou que o mês de kartik é excelente e muito auspicioso. Porque a deidade que preside kartik, kartik-masa-adhistatri-devata é a própria Srimati Radhika. Por isso, o mês de kartik também é chamado o mês de Radhika. Da mesma forma, adik-masa ou purusottam-masa é o mês presidido pela deidade do próprio Krsna. Então, Gurudev nos disse que temos que observar ambos meses com muita atenção. Porque Srimati Radhika ficará muito satisfeita com aquele que obsevar o mês de Purusottam. E Krsna ficará muito satisfeito se observarmos o mês de kartik: Ujva-vrata, kartik-vrata, Ujvesvari Srimati Radhika.

Srila Bhaktivinode Thakura explica em uma canção chamada “Radha-name-game-krsnacandra”. Se você glorificar Srimati-Radhika, Krsna ficará muito satisfeito. E se você glorificar Krsna, Srimati Radhika ficará muito satisfeita. Portanto, com todas as nossas atividades, temos que dar prazer ao casal divino Radha e Krsna. Srimati Radhika ficará muito feliz com aquele que observar o adik-masa, o mês extra ou o mês de Purusottam. Purusa-uttama, Purusottama. Purusa significa desfrutador supremo (uttam). Krsna também é chamado de purusa, o desfrutador supremo. Mas Ele manifesta muitas formas, especialmente três: Karunodaksayi-visnu, Garbhodaksayi-visnu e Ksirodaksayi-visnu. Assim, Krsna é supremo sobre os três purusas. Isto significa que Krsna é o supremo controlador de Karunodaksayi, Garbhodaksayi e Ksirodaksayi. Por este motivo seu nome é purusa-uttama, purusottama.



Em nosso sastra é explicado que Vyasadev Gosvamipad manifestou os Vedas. Os Vedas também manifestaram muitas coisas (verso). Os Vedas explicam as três motivações das entidades vivas. Porque os diferentes tipos de entidades vivas têm gostos por diferentes coisas. Alguns querem karma-marga, outros jnana-marga e outros querem seguir a bhakti-marga. Portanto os Vedas explicam estas três coisas. (Verso). O próprio Krsna disse para Arjuna: “Nunca perturbe aqueles que tiverem o gosto por karma, jnana ou bhakti”. Porque todas as entidades vivas fazem suas práticas de acordo com suas impressões e gostos (ruci) passados. Mas quando eles fizerem alguns tipos de karma e jnana e não obtiverem os frutos, automaticamente abandonarão karma-marga e jnana-marga e entrarão no caminho de bhakti, bhakti-marga.

Dessa forma, nos Vedas em muitos lugares Vyasadev Gisvamipad escreveu sobre karma, jnana e bhakti. Agora, vamos discutir nos Vedas especialmente duas seções, sruti e smrti. A literatura transcendental depende dos srutis e smrtis. Porque especialmente neste mundo material, as pessoas gostam de duas coisas, sruti e smrti. Assim, o sastra também explica loka-loki-vicara, considerações mundanas sobre as pessoas, elas têm diferentes tipos de ruci (gosto). Assim, nas escrituras é explicado muito claramente que algumas pessoas querem seguir as regras e regulações do sruti-sastra e outros do smrti-sastra. Aqueles que seguem as regras e regulações do sruti-vedas, estes são perfeitos. (Verso). Os Vedas na verdade indicam bhakti. E os smrtis indicam as coisas materiais, especialmente sobre o bem-estar social e atividades sociais. Esta é a natureza da alma condicionada. Porque a jiva tem dois tipos de adhikara (elegibilidade). Uma é chamada karma-adhikara e a outra bhakti-adhikara. Os karmis querem fazer karma. (verso). O Srimad Bhagavatam cita este verso. Os karmis devem seguir o caminho de karma até se tornarem cansados. Quando se tornarem cansados no karma-marga, o caminho de karma, abandonarão automaticamente o karma. Mas quando ouvirem krsna-katha, bhagavat-katha, neste momento automaticamente abandonarão karma-marga e virão ao caminho de bhakti. As jivas ou entidades vivas estão seguindo o karma-marga e às vezes obtém bons frutos e outras horas frutos inauspiciosos, subha-phal e asubha-phal. Nos termos smarta e paramarta, smarta significa frutos mundanos como nos smarta-brahmanas, que praticam e obtém frutos mundanos, por exemplo, como atingir os planetas celestiais, smarta-phal. E sobre paramarta, aquele que pratica serviço devocional ao Senhor aprende como atingir além dos céus, além de vaikhunta, ayodhya, dvarka, mathura e goloka-vrnadavan.

Portanto, adik-masa, o mês extra, é muito importante em nossa literatura vaisnava, vaisnava-sahita.

O mês lunar extra também é conhecido como adik-masa, mal-masa e Purusottam-masa. Os Vedas apelam aos habitantes deste mundo para reunir-se com a entidade espiritual de sua prakrti, compreendendo os panca-bhutas a saber: terra, água, fogo, ar e éter, a mente (manas), o intelecto (buddhi), o ego (aham) e a vida divina (atman). Purusottama-masa é o mês em que a humanidade tem o privilégio de tornar-se divinamente espiritual. Este é o mês para o auto-desenvolvimento, auto-reavaliação, auto-avaliação, auto-reflexão, auto-retrospecção e introspecção. É um momento para a própria alma, o próprio espírito da vida e nada mais. É uma comunhão entre a Terra humana e o celestial. Oramos para a abundância da bondade e da material. O tempo é um presente valioso que voa como as estações vêm e vão. A paz não significa estar em um lugar onde não há barulho, problemas ou trabalho duro. Paz verdadeiramente significa que no meio dos ruídos e da pressa, podemos suportar todas as nossas adversidades com calma e serenidade. Se somos indiferentes perante a dor e o prazer, estamos em paz. Deus nos concede a benção do adik-masa. Então, temos que seguir o adik-masa. Em termos espirituais, esta oportunidade vem uma vez a cada três anos. Portanto, temos de realmente tirar pleno partido deste mês. Como este mês extra, adik-masa, está vindo? Isto é muito importante em nossa vida.

Significado astronômico

O conceito de adik-masa é exclusivo para o calendário lunar hindu tradicional, que é baseado nos ciclos da Lua. Um mês lunar é de cerca de 29,5 dias de tempo. Um mês solar é de 30 a 31 dias. O ano solar é composto de 365 dias e 6 minutos e o ano lunar é composto de 354 dias. Assim, com o passar dos anos, cada mês lunar começa mais cedo do que o mês solar correspondente. Assim, tanto a solar e os anos lunar tem um intervalo de 11 dias, 1 hora, 31 minutos e 12 segundos. Este é o cálculo do nosso sastra. Como esta lacuna aumenta a cada ano, se aproxima em três anos para se tornar um mês. Então, para combinar os dois calendários, um mês extra é adicionado. Este é o décimo terceiro mês do calendário lunar, chamada adik-masa. O adik-masa é adicionado quando a Amvasya e a Surya Sankranti coincidem. Adota-se o nome do mês que procede o adik-masa. Assim como existe o ano lunar com o mês extra (chamado adik-masa), há também um ano lunar com um mês diminuído (ksaya) ou reduzido, chamado ksaya-masa, com apenas onze meses do ano. O ano lunar que compreende de 11 meses é apenas muito raro, ocorrendo como raramente como uma vez em 140 ou 190 anos. Somente aí o mês ksaya ocorre. Ksaya significa reduzido. Mas o mês extra ou adik-masa vem a cada três anos. Sempre que sankranti não cai dentro de um mês, então adik-masa ocorre. Quando existem dois sankrantis no prazo de um mês, em seguida, transforma-se um ano lunar com um mês reduzido ou um ksaya-masa. Um pouquinho de termos matemáticos como o adik-masa acontece e o ksaya-masa, o mês reduzido também. Você somente tem que entender que a cada 3 anos, este mês adik ocorre e o ksaya-masa vem após 140 ou 190 anos. Tente entender, a lua leva cerca de 27,3 dias para completar uma órbita completa em torno da Terra. A Terra orbita em torno do Sol uma vez a cada 365,24 dias (= velocidade orbital da Terra de 29,79 quilômetros por segundo). A Terra e a Lua em 27,3 dias mudaram como um sistema de cerca de 1/12 das maneiras ao redor do Sol. Isto significa que a partir de uma lua cheia para a próxima lua cheia, a lua deve viajar 2,2 dias extras antes de aparecer cheio. Isto é devido à curva da órbita da Terra em torno do Sol. A lua ainda está fazendo uma órbita completa (círculo) em 27,3 dias. Mas para se alinhar com a Terra e com o Sol e se tornar uma lua cheia novamente leva-se 29,5 dias. E 29,5 dias em meses lunares são iguais a 354,3 dias por ano lunar. Assim chegamos a uma diferença de 10,8 dias por ano entre um ano lunar e um ano solar de 365,2 dias por ano. Vasista-siddhanta explica que o adik-masa ocorre a cada 32 meses, 16 dias e 12 minutos. Assim o cálculo é explicado. De qualquer forma, temos que calcular estes termos matemáticos também de que o ksaya-masa chega pela primeira vez depois de 141 anos e, em seguida, depois de 190 anos.

Nos sastras também se explica desta forma o vasista-siddhnta-sastra:
sankrantimasoadhikamasah sphutah syada dvisankrantimasah ksyakhyahdacit
O significado é: “O mês que não carrega surya-sankranti é chamado adik-masa e o mês que leva dois sankrantis é chamado ksaya-masa (mês reduzido).

Assim, em nossas escrituras, adik-masa é mencionado:
nokuryadadhike massini kamyam ato kadachana
No smrti-sastra, explica-se desta forma: não devemos fazer kamya-karma que significa desfrutar dos sentidos nesse mundo material. Neste mês de adik-masa, não devemos fazer kamya-karma, como cerimônia de casamento. Porque a cerimônia de casamento é um tipo de kamya-karma. Também não se deve inaugurar novas casas. Mas inauguração de templos se pode fazer, pois não é considerado kamya-karma. Também não se deve comprar novos ornamentos, como carros, pois tudo isso é kamya-karma. Mas o que quer que você faça para Krsna, é permitido. O sastra explica isso.

Então o significado deste mês é que muitas pessoas lêem e ouvem as escrituras no mês de Purusottam você deve ler livros específicos, em especial todos os dias deve ler o Srimad Bhagavatam ou Caitanya Caritamrta. Na Índia, em toda parte, está acontecendo o Bhagavat-saptah, em cada vila, especialmente em Mathura, Vrndavan, em Giriraj-Govardhan. Todas as pessoas fazem arranjos para que haja bhagavat-saptah. E por um mês eles lêem e glorificam o Srimad-Bhagavatam, este é o Bhagavat-saptah.
Existem muitas histórias que nossos sastras que explicam, especialmente o Bhavishyottar Purana. Explica e glorifica o mês de Purusottam. De acordo com sua capacidade, você deve acordar todos os dias bem cedo no Brahma Muhurta. Assim deve-se observar este mês de Purusottam. Está explicado desta forma. Está escrito nesse Bhavishyottar Purana para jejuar ou comer apenas uma vez por dia, de acordo com a capacidade do seu corpo, também fazer bhajana e sadhana. Especialmente você deve cantar todos os dias 64 voltas dos Santos Nomes, lakha-nama. Isso é muito importante. 

Também você tem que ler alguns sastras, como o Srimad Bhagavatam e o Caitanya Caritamrita, você tem que seguir a instrução.

Esse mês é muito importante porque o Senhor Krsna é a deidade que preside esse mês. Nesse mês, todo dia, você tem que recitar o Nanda Nandanastakam, e também o Radha-Krpa-kataksha, munindra.... Este mês, todos os dias você deve recitar estas canções e adorar thakurji (deidade), com sua mente, adorar Giriraj-Govardhan. Giriraj-Govardhan é muito importante. E também tomar banho nos rios sagrados, tal como Ganga, Yamuna e Sarasvati. Mas se eles não estão onde você mora então se lembre dos nomes deles.

Eu também expliquei que existem muitos argmentos sobre o adik-masa, como mencionado nos sastras, o Purusottam-masa, há uma bela história que, de acordo com o calendário lunar, há 12 meses onde os calendários solares e lunares se encontram em dias e estações.

Cada mês possui uma deidade que o preside, adhistatri-devata, mas quem é a deidade que preside o mês extra, adika-masa? Quando Brahmaji criou esse mês extra, não havia nenhum adhistatri-devata, nenhuma deidade que presidisse esse mês, então todas as deidades que presidiam os outros meses rejeitaram esse mês, esse adika-masa ou mal-masa. Mal significa algo muito insignificante e sujo, alguma coisa ruim, então ninguém o respeitou. De acordo com os smarta-brahmanas que explicaram dessa forma: quando Brahmaji manifestou esse mês, mal-masa, todas as deidades que presidem os meses rejeitaram esse mês. Expulsaram ele e chamaram o mês de intocável. Adika-masa ficou muito triste, e foi até Brahmaji e disse: “Você me manifestou, mas ninguém me aceitou. As outras deidades que presidem os outros meses me expulsaram, para onde é que eu vou?” Então Brahmaji falou: “Você tem que pedir ao Senhor Visnu, Visnu vai resolver todos os teus problemas”. Naquele momento esse mal-masa foi até o Senhor Visnu, que o apaziguou, então Senhor Visnu falou: “Não se preocupe, eu vou ser a deidade que preside o seu mês e você vai ser honrado por todas as deidades que presidem todos os meses, meu nome é Purusottama”.
Quando o Senhor Visnu aceitou o mal-masa, todas as deidades que presidiam os outros meses honraram o mal-masa. Os smarta-brahmanas pensaram: “Ah, você é mal (insignificante)”. Outro significado da palavra mal é excremento, fezes. Os smarta-brahmanas estavam pensando nisso, porque eles perceberam que nesse mês extra eles não conseguiam coletar doações, porque o sastra explica que de acordo com a concepção smarta, eles não podiam fazer nenhum tipo de adoração, então se não podiam fazer sacrifício de fogo, não podiam fazer cerimônia de casamento, como é que eles conseguiriam dinheiro, se eles não podiam fazer cerimônia de casamento? Então eles pensavam “ah, esse mês é inútil”. Por isso eles deram o nome desse mês de mal-masa, mas o senhor Visnu o aceitou e deu a ele a posição de ser a masa-siromani, ou seja, a jóia da coroa de todos os meses.

De acordo com a concepção dos vaisnavas, eles respeitam mal-masa como o próprio Visnu. Os sastras explicam que aquele que se abriga no Senhor Visnu é a pessoa mais elevada, porque o Srimad Bhagavatam explica aquela pessoa que canta os santos nomes é mais elevado que os brahmanas.

(Verso)

Srimad Bhagavatam glorifica os santos nomes. Até mesmo comedor de cachorro, aquela pessoa que cozinha e come a carne do cachorro, até mesmo esse comedor de cachorro se ele cantar os santos nomes ele é mais elevado que os brahmanas. Então, aquele que se abriga aos pés de lótus do Senhor Visnu é mais elevado do que outros.

Esse mal-masa, de acordo com a concepção smarta-brahmana, é muito insignificante e intocável, mas quando esse mal-masa se abrigou nos pés de lótus do Senhor Visnu então esse mal-masa se tornou o mês mais elevado, a jóia da coroa de todos os meses.

Então de acordo com a concepção vaisnava, todos os vaisnavas honram esse mês extra como Purusottama-masa. Por isso que usamos esta palavra Purusottama-vrata (voto).

Nesse mês você tem que ficar num lugar sagrado, especificamente em Jagannath Puri, cujo outro nome é Purosottam-ksetra.

Muitas vezes nós observamos esse Purosottama-vrata com Gurudev (Srila Param Gurudev BV Narayan Gosvami Maharaj) em Jagannath  Puri, foi muito lindo, muitos viasnavas também ficam lá com Gurudev em 2005, eu acho.

Esse mês é muito mais importante que os outros meses. Outra história muito linda sobre como antigamente se observava o mal-masa-vrata: um Rei foi libertado de todos os apegos e aprisionamentos e alcançou a posição de Indra, porque ele observou Purusottam-vrata.

Então se você observar corretamente Purusottam-vrata você vai alcançar a posição mais elevada, vai alcançar os planetas celestiais, e alcançar a posição de Indra. Mas os vaisnavas não querem se tornar Indra, os vaisnavas não querem nem mukti (liberação), então o que dizer sobre a posição de rei dos céus.

Os sastras, Bhavishyottar-purana explica isso, esse rei alcançou a posição de Indra porque ele observou de forma apropriada o Purusottam-vrata.
Uma vez, Laksmi-devi perguntou para Sri Hari como fazer adik-masa puja e como dar dana (caridade). Sri Hari falou para ela que, Ele mesmo, o próprio Hari, é a deidade de adik-masa com o nome de Purusotama. No mês de Purusottama, você tem que fazer muitas formas de punya-karma, atividades piedosas, como snana. Isto é muito importante.

(Verso)

Esse sloka explica que aquela pessoa que toma banho bem cedo, no Brahma-muhurta, vai para o céu. O mês de magha (fevereiro-março) é um mês também super-exelente e auspicioso, se você observar o voto de magha-vrata você também alcança a plataforma mais elevada.

Parastri aqui significa Vrinda-devi não a esposa de outro. Isso significa que aquela pessoa que usa cordão de tulasi no pescoço e toma banho no rio Ganges, vai alcançar vaikuntha.

Nesses slokas, o próprio Senhor Visnu, glorifica adik-masa. Nesse mês você tem que dar doação para as pessoas pobres - dar frutas, arroz, de acordo com a sua capacidade. A melhor doação é pregar o harinam: 

Hare Krsna 
Hare Krsna 
Krsna Krsna 
Hare Hare 
Hare Rama 
Hare Rama 
Rama Rama 
Hare Hare
tava kathamritam tapta-jivanam
kavibhir iditam kalmasapaham
sravana-mangalam srimad atatam
bhuvi grinanti ye bhurida janah
(GopiGita 9)
Existem muitos tipos de doações no mês de Purusottama, mas a melhor doação é o Bhagavat-katha, Krsna-katha, isso é muito importante. Todo dia você tem que cantar os santos nomes e ler o Srimad Bhagavatam ou Caitanya Caritamritam.

Você deve viver no dhama, especialmente no lugar de nascimento do Senhor, Bhagavat-dham, Mathura, Vrndavan, Giriraj-Govardhan, Nabdvip. Se você não pode estar nesses locais fisicamente, você tem que estar através da sua mente. Fique no Giriraj-Govardhan, Radha-Kunda, Syama-Kunda, Navadvip-dham. Sempre se lembre dos passatempos de Krsna e glorifique Giriraji-Govardan. Todo dia você tem que recitar o Giriraj-Govardhanastakam e Yamunastakam, é muito importante, e também todo dia você tem que tomar banho no Yamuna.

(Verso)

Está explicado no Bhavishyottar-purana, que uma vez havia um brahmana chamado Kausik, ele era um jitendriya. Jitendriya significa “aquele que controla seus sentidos”. Ele tinha um filho chamado Maitreya, que era viciado em beber, era uma pessoa kamandra, muito luxuriosa. Um dia, Maitreya foi para a floresta e matou um brahmana em Sourastra, roubando todo o dinheiro dele. Porque ele matou o brahmana, toda a cidade foi queimada. O sastra diz que aquele que mata um brahamna deve sofrer e toda sua vila será queimada.

Então, Maitreya matou o brahmana e foi levado pelos yamaduthas, que o jogaram no Kumbak-narak, um inferno muito poderoso, onde muitos vermes cortavam e comiam seu corpo. Maitreya ficou lá por mais de 10 mil anos. Depois de um longo período, o pai de Maitreya soube o que tinha acontecido. Então, Kausika procurou em todos os srutis-sastra e encontrou o remédio para o brahmana-prastitra. Ele fez este vatra de adika-masa, então o filho foi liberado de narak. Os sastras explicam, se você observar o Purusottam-vrata, então todas as suas gerações da sua família que cometeram muitas atividades pecaminosas também vão ser libertados do inferno, naraka. Esse mês é muito poderoso. Então o sastra explica: verso. “Se você matar o brahmana, matar a mãe, pai, vacas, tudo isso vai ser destruído se você observar Purusottam-vrata”. Portanto, esse mês de Purusottama-vrata é muito poderoso. Mas neste mês nós não devemos fazer nada ruim.

Neste mês, deve-se ser brahmacarya-jivan. Durante um mês, mesmo os casados ou não-casados: brahmacary, vanaprastha, sanyasi, todos devem observar muito cautelosamente o brahmacarya-jivan. Neste mês é muito necessário. E cantar o mantra. Especialmente neste mês, todo dia você tem que cantar seu Gopala-mantra, o Gayatri-mantra, se possível sentado na margem do rio ou de qualquer lugar sagrado, ou na frente da deidade, de thakurji, de guru ou Krsna e cantar 108 vezes o mantra, cante Gopal-mantra, tem que cantar pelo menos 108 vezes, na frente de Thakurji.

Todo dia você tem que ir pro mangala-arati, se possível e se tiver perto da sua casa algum templo, você tem que sentar em frente à vigraha e cantar o gayatri-mantras, isso é muito importante também. Se não tiver nenhum templo, você senta em frente à deidade na tua casa e canta os santos nomes e os gayatri-mantras.

Então, se você observar esse mês é como se você observasse mil sacrifícios de fogo, e você nunca mais vai nascer nesse mundo material, (verso). Então o ciclo de nascimentos e mortes termina.

Se você fizer o voto neste mês, sabendo ou não, você vai ganhar mérito espiritual.

Nesse mês você não deve ficar com raiva de ninguém. Você tem que controlar sua raiva, isso é muito importante. E nunca se associe com as pessoas ruins, nunca fique na companhia das pessoas ruins e sempre se lembre de Guru e Krsna. Tente ler todo dia o Visnu-sahasranamam, o Bhavishyottar-purana explica também. Os vaisnavas devem ler todos os dias o Srimad Bhagavatam ou o Nrsimha-mantra, você pode cantar. Também é muito poderoso nesse mês cantar o gopala-mantra, kama-gayatri e adorar suas deidades com 16 tipos de ingredientes. Em especial, todo dia você tem que fazer dipa-dana, oferecer uma mechinha de ghi, se não der pra fazer 3 vezes por dia, pelo menos uma vez ao dia, de noite ou alguma hora do dia, você tem que pegar uma mechinha de ghi e fazer arati para deidades. Isso é muito importante, faça isso para Thakurji.

Observe esse mês, fazendo bhajan e sadhan, cantando, especialmente glorificando e cantando “Krsna deva bhavantan vande”, porque esse mês é de Purusottama, e também “Radhe Jaya Jaya Madhava Dayite” e “Radha-krpa-kataksa”, namami-nanda-nandanan e especialmente a glorificação do Senhor Caitanya.

E não coma neste mês tomate, como em kartik, porque kartik e purusottam são a mesma coisa. Nem loki, lentilha-vermelha. E controle sua luxúria e raiva, ambição e apego as coisas materiais e sempre concentre seu mente em Guru e Krsna e cante os Santos Nomes.

Lembre deste mantra todos os dias:
OM ASATO MA SADGAMAYA 
TAMASOMA JYOTIRGAMAYA 
OM SHANTIH SHANTIH SHANTIHI
Assim, observe este mês de Purusottam! Bolo Purusottam-masa ki jay! Bolo Sacinandana-gaura-hari ki jay! Gaura Premanande! Hari Hari bol!

rādhe jaya jaya mādhava-dayite

gokula-taruṇī-maṇḍala-mahite

dāmodara-rati-vardhana-veśe
hari-niṣkuṭa-vṛndā-vipineśe

vṛṣabhānūdadhi-nava-śaśi-lekhe
lalitā-sakhi guṇa-ramita-viśākhe

karuṇāḿ kuru mayi karuṇā-bharite
sanaka-sanātana-varṇita-carite
Hare Krsna 
Hare Krsna 
Krsna Krsna 
Hare Hare 
Hare Rama 
Hare Rama 
Rama Rama 
Hare Hare

Bolo vrndavana-bihari-lali ki jay! Jay Jay Sri Radhe! Jay Srila Gurudeva ki jay! Jay ADIK-MASA ki jay! Samabedha-gaura-bhakta-vrnda ki jay!

(Agradecimentos: Indumati Devi Dasi - SC; Man Mohini Devi Dasi - SC; Acyuta Priya Devi Dasi - SP e Taruni Gopi Devi Dasi - RJ)