Aparecimento de Shrila Gour Govinda Swami Maharaja - parte 1

02/09/2016, Malásia
Assista a aula aqui


Hoje é um dia muito auspicioso, é o dia do aparecimento de nitya-lila-pravista-om-vishnupada-asttotara-sata Shri Shrimad Gour Govinda Swami Maharaja, discípulo proeminente de nitya-lila-pravista-om-vishnupada-asttotara-sata Shri Shrimad Bhaktivedanta Swami Maharaja. Shrila Gour Govinda Maharaja se abrigou aos pes de lótus de Shrila Bhaktivedanta Swami Maharaja. E Swami Maharaja se abrigou aos pés de lótus de nitya-lila-pravista-om-vishnupada-asttotara-sata Shri Shrimad Bhaktisiddhanta Prabhupada.

Shrila Bhakti Rakshak Shridar Goswami Maharaja compôs o seguinte verso:


vrishabanu-suta-dayitanu caram
caranasrita-renu-dharas tam aham
mahad-adbhuta-pavana-sakti-padam
pranamami sada prabhupada-padam
(Shri Shri Prabhupada-padma Stavakah)

Quão poderosa é a poeira dos pés de lótus dos elevados e exaltados vaishnavas! Aqueles que se abrigaram aos pés de lótus de Bhaktisiddhanta Prabhupada não são pessoas comuns. Eles são muito poderosos, e isso é devido a eles terem tido a companhia de um glorioso e elevado maha-purusa. Bhaktisiddhanta Prabhupada, Bhaktivedanta Swami Maharaja e então Gour Govinda Swami Maharaja.

Eu gostaria de falar um pouco sobre Gour Govinda Swami Maharaja, a história de sua vida, seus ensinamentos e contribuição. Eu tive a oportunidade de ter o darshan de seus pés de lótus apenas uma vez, e receber a sua misericórdia. Eu me lembro que em 1993, ou 1994, Gurudev ficou por duas semanas em Jagannatha Puri, hospedado em uma casa na praia. Nessa ocasião, Gour Govinda Swami Maharaja foi até lá e se encontrou com ele. Os dois discutiram uma belíssima filosofia, acerca do Senhor Chaitanya Mahaprabhu e o Seu dhama

Eu me lembro, Shrila Gour Govinda Maharaja era um vaishnava tão glorioso. Eu ouvi sobre a história de sua vida através de seus discípulos. Eles são muito humildes. Não é preciso que se pergunte à árvore: “Quem é você?”, pois quando ela der seus frutos, será possível determinar que espécie de árvore ela é. Da mesma forma, o guru pode ser avaliado através dos discípulos que possui. Um guru fidedigno significa discípulos fidedignos. Esse é o processo. 

Shrila Gour Govinda Swami Maharaja era um elevado rasika-vaishnava. Gurudev Shrila Narayana Goswami Maharaja, glorificou Gour Govinda Swami Maharaja muitas vezes. Se você ler os livros de Gour Govinda Swami Maharaja e os livros de Gurudev Narayana Maharaja, vai ver que o o mesmo humor está presente. Gurudev disse: “Meu humor e o humor de Gour Govinda Swami Maharaja são o mesmo” – essas são as palavras de Gurudev.

Certa vez, no dia do desaparecimento ou aparecimento de Gour Govinda Swami Maharaja, Gurudev deu uma aula sobre ele. Gour Govinda Swami Maharaja possuía o humor mais elevado de nosso guru-parampara. E ele falava de forma destemida, castigando seus discípulos. Ao ministrar suas aulas, ele tinha o costume de pegar uma vara e bater em seus discípulos, chamando-os de: “Tolos, estúpidos! Patifes!” – esse é o seu amor e afeição.

No início, Gour Govinda Swami Maharaja vivia uma vida de casado. Ele tinha esposa, filhos e era professor de uma escola na cidade onde vivia. Então ele deixou sua casa. Ele estava se indagando a respeito de guru. Uma noite, ele dormia no templo da semideusa Durga, que lhe disse em um sonho: “Ouça, eu sou a suprema controladora do mundo material. Ninguém é capaz de escapar da minha prisão. Mas você é um devoto do Senhor Krishna. Você é Vishnu bhakta... Então agora eu lhe dou permissão para você sair da minha prisão”.

Gour Govinda Swami Maharaja visitou alguns locais de peregrinação na Índia, buscando sadhus e gurus. Ele era um erudito muito inteligente – sabia os Vedas, Puranas, Upanishads, Bhagavad-gita... tudo! Ele tinha um vasto conhecimento. Por fim, ele chegou a Vrindavana, mas antes, ele foi a Mathura, na nossa Keshavji Gaudiya Math. Naquele dia, Gurudev Shrila Narayana Maharaja não estava lá – talvez tivesse ido pregar em algum lugar. Gour Govinda Swami Maharaja esteve então na nossa Keshavji Gaudiya Math, teve o darshan de nossa Thakurji (vigraha darshan) e seguiu para Vrindavana. Em Vrindavana há diferentes tipos de sadhus: karmi, jñani, etc. Ele foi ao templo Krishna Balarama, depois ao templo da ISKCON, onde conheceu Bhaktivedanta Swami Maharaja. Assim que ele viu Swami Maharaja, ele se rendeu completamente aos seus pés de lótus. E Swami Maharaja o aceitou como seu discípulo. Depois de alguns meses, Swami Maharaja deu a ele sannyasa, porque ele era muito qualificado e um erudito muito elevado. Eu soube que alguns de seus irmãos da ISKCON reclamaram sobre ele: “Oh, ele acabou de chegar. Por que dar sannyasa a ele?”. E então Swami Maharaja respondeu: “É escolha minha dar sannyasa a ele ou não” e castigou seus discípulos seniores.

Swami Maharaja disse a Gour Govinda Maharaja: “Você deve traduzir todos os meus livros, especialmente na língua Oriá”. Ele disse: “Vá pregar na Orissa”. Então Gour Govinda Swami Maharaja foi para Bhubaneswar. Ele estava sozinho. Swami Maharaja o abençoou e lhe disse: “Um dia o seu templo vai ser o melhor templo do mundo” – isso é guru-vakhya. O que significa ser um discípulo? Significa ter fé nas instruções do seu Guru. Gour Govinda Swami Maharaja escreveu essas coisas. Swami Maharaja disse a ele: “Um dia eu irei a seu templo”. Na época, o local era repleto de selva e cobras e somente ladrões viviam ali. Mas ele limpou o local e ali estabeleceu um pequeno templo. Ele fez tudo para o seva da Thakurji, cujo nome é Gopal Jiu. Como ele não tinha servo, ele fazia tudo sozinho, mas ele tinha fé na instrução de seu Guru. E então, um dia, Baktivedanta Swami Maharaja visitou o local e ali ficou com ele. Se você for hoje a Orissa, verá esse belíssimo templo, onde moram talvez mais de 400 devotos. 

Gour Govinda Swami Maharaja pregou a palavra de seu Guru pelo mundo inteiro. Um discípulo é aquele que prega a mensagem dos nossos Acaryas anteriores. Você deve aprender o shastra e então pregar em todos os lugares.

Gour Govinda Swami Maharaja estava sempre explicando: “Todos devem seguir as regras e regulações do varnashrama-dharma”. Porque nossas escrituras, a cultura Védica explica: “Se você não seguir as regras e regulações do varnashrama-dharma, você não irá alcançar shuddha-bhakti. Ele costumava dizer: “Gatos, cachorros, porcos, não seguem as regras e regulações. Mas vocês são seres humanos, vocês têm que seguir o varnashrama-dharma”.

Se você quer adentrar em shuddha-bhakti, você tem que ouvir as aulas de Gour Govinda Swami Maharaja – aulas muito difíceis sobre varnashrama-dharma. E ao mesmo tempo, ele também falava um rasa-katha muito lindo e doce. Todos os seus livros são sobre o Senhor Chaitanya Mahaprabhu. Por que Mahaprabhu apareceu na Kali Yuga? Krishna veio nessa Kali Yuga na forma de Chaitanya Mahaprabhu. Ele explicava essas coisas e apresentava as evidências dos shastras. Ele costumava apontar o erro das pessoas diretamente, dizendo: “Oh, esse é seu erro...”. Algumas pessoas costumavam colocar pena de pavão na cabeça de Mahaprabhu, pois elas acreditavam que Mahaprabhu é Krishna, então ele também deveria usar uma pena de pavão. Mas Gour Govinda Swami Maharaja disse: “Não, isso é um transtorno para o humor do Senhor Chaitanya Mahaprabhu”. Mas qual é o humor do Senhor Chaitanya Mahaprabhu? Bhakta-bhava – o humor de devoto. Krishna veio nessa Kali Yuga e ele tomou o humor e a compleição de Shrimati Radhika. Isso é explicado de forma muito clara:


anarpita-carim cirat karunayavatirnah kalau
samarpayitum unnatojjvala-rasam sva-bhakti-sriyam
harih purata-sundara-dyuti-kadamba-sandipitah
sada hrdaya-kandare sphuratu vah saci-nandanah
(Shri Chaitanya-charitamrta, Adi-lila 1.4)

[“Que o filho de Shrimati Saci-devi, Shri Gaurahari, para sempre se manifeste espontaneamente no âmago do seu coração. Ornamentado com o esplendor radiante do ouro derretido, Ele apareceu na Era de Kali devido a sua misericórdia sem causa para outorgar ao mundo aquilo que não era concedido há muito tempo - a beleza presente em Seu próprio ujjvala-prema-rasa bhakti radiante, isto é, o serviço no nível mais elevado da doçura do amor divino.”]

Portanto, Gour Govinda Swami Maharaja pregou no mundo inteiro. Ele estava falando o mais elevado hari-katha de Vrindavana quando ele entrou em seus passatempos eternos, nitya-lila. Ele era um grande vaishnava. Aqueles que tiveram o darshan de Gour Govinda Swami Maharaja são exitosos. Você deve ter o darshan com os seus olhos transcendentais, não materiais. Você deve ter o darshan com seus ouvidos, ouvindo hari-katha.

(Continua...)

Tradução: Acyuta Priya Devi Dasi (São Paulo)