Servindo Krishna, com um corpo feminino

12 de março de 2018
Dia de aparecimento de Sita Thakurani

Traduzido do site jaygurudev.org




Durante a rasa-lila, quando as gopis se encontraram com Krsna, elas ouviram dEle as mesmas palavras que Ele havia dito às esposas dos brahmanas: “svagatam vo maha-bhagah priyam kim karavani vah - Sejam todas bem vindas! Como posso lhes servir?” Dito isso, Krsna brincou com as gopis da seguinte forma: “Vocês devem voltar às suas casas para servir seus maridos”. Essas mesmas palavras foram usadas tanto para as gopis como também para as esposas dos yagnik-brahmanas. Porém, as brahmanis retornaram para as suas casas, enquanto as gopis não. Por quê? Há dois motivos para isso. O primeiro é de que as esposas dos yagnik-brahmanas possuem um humor reverente [aisvarya-bhava] em relação a Krsna. Elas O veem como Bhagavan. Mas Krsna não se satisfaz com esse tipo de humor. É por isso que Ele não aceitou as brahmanis e pediu a elas que retornassem. Como são muito simples, assim que Krsna disse: “Retornem”, elas o obedeceram e voltaram para suas casas. Além disso, há algo importante: Vrajendra-nandana Shyamasundara aceita apenas as gopis que pertencem a dinastia gopa. Portanto, para se tornar uma gopi é preciso nascer na dinastia gopa, do contrário Krsna não lhe aceitará.

O segundo motivo que diferencia a atitude das gopis da atitude das brahmanis é de que elas possuem um apego profundo a Krsna - anuraga. Em virtude disso, elas não retornam às suas casas, o que deixa Krsna muito satisfeito. Invés de irem embora, elas permanecem ao lado dEle.  Por isso Krsna realiza com elas a dança da rasa.

Sem receber sannyasa, que significa receber o gopi mantra, ninguém pode adentrar a dança da rasa, não importa o que faça. Isso às vezes deixa algumas mulheres chateadas. Elas dizem: “Nós não podemos receber sannyasa, logo, não temos acesso ao gopi-mantra. De que forma, portanto, poderemos receber uma forma de gopi?” Mas Gurudeva diz que não há porque se preocupar com isso. De acordo com as regras dos shastras, há dois mantras que as mulheres não podem receber: o brahma-gayatri e o gopi-mantra. Nós, inclusive, nunca ouvimos falar de mulheres que receberam sannyasa em nossa gaudiya-sampradaya. Mas então, como é que elas poderão obter a forma de uma gopi para assim poderem integrar a dança da rasa com Krsna? Gurudeva responde a isso da seguinte forma: “A essência do brahma-gayatri e do gopi-mantra está contida dentro do kama-gayatri. Mesmo o Gopala-mantra também reside dentro do kama-gayatri”. Isso é muito importante.

Gurudeva ainda diz: “O que deseja, a semente, ou a fruta? Se eu te der a semente, ela brotará e se tornará uma árvore, para só então surgirem as frutas. Mas se eu lhe der logo a fruta, você já poderá saboreá-la. Simples assim”. Esse é o exemplo que Gurudeva dá. As frutas são o Gopala mantra e o Kama gayatri. Neles há tudo. Talvez você se pergunte: “Mas porque os brahmacharis recebem o Brahma gayatri, e os sannyasis recebem o Gopi mantra?” Isso é porque os Vedas delineiam certas regras a serem seguidas na sociedade. Se você não as segue, se ignora os smrti shastras, o Narada pañcharatra, etc., e pensa: “Sou unidirecionado”, então se tornará apenas uma causa de perturbação social. Por essa razão, os rsis e munis instituíram essas regras, compreendem? 

Vemos que a maior para dos devotos do Senhor Chaitanya Mahaprabhu são na verdade mulheres, e elas são muito qualificadas, mais até mesmo do que alguns sannyasis. Quem pode se comparar com a shakti de Nityananda, Jahnavi Devi? Ela é milhares de vezes mais elevada do que os sannyasis, pois é Ananga Mañjari. Há também Sita Thakurari, Imlital Devi, Madhavi Devi, todas elas parikaras de Mahaprabhu que não receberam sannyasi, mas que são as próprias joias da coroa dos sannyasis.

Logo, embora externamente as mulheres não recebam sannyasi, elas são superiores. Caso contrário, por que os rsis e munis teriam elaborado essas regras? A razão por trás disso é de que, de acordo com as escrituras, há certos dias no mês em que o corpo das mulheres se contamina [devido a menstruação]. Por esse motivo é que existem essas regras nos Vedas e, se elas não são seguidas, então tudo será contaminado e, disso emergirão uma série de perturbações. 

Gurudeva nos deu o seguinte exemplo: “Uma coisa é você tomar um remédio apropriado para uma determinada doença, o que lhe ajudará, outra é tomar o remédio incorreto, o que pode levar a reações indesejáveis. Se as mulheres cantarem o Brahma gayatri-mantra, elas sofrerão com reações adversas e acabarão desenvolvendo um ego masculino”.

Mas as mulheres ocidentais são muito egoístas. Elas pensam, “Por que não? Se os brahmacaris recebem sannyasa, nós também devemos receber”. Mas os sastras não aceitam isso. É por esse motivo que as mulheres não recebem sannyasa na nossa Gaudiya sampradaya, especialmente na linha do Senhor Chaitanya Mahaprabhu. Compreendem? Se vocês cantarem corretamente os mantras, tais como o gopala mantrakama gayatri-mantra, etc., então poderão perceber que eles contém a essência de todos os sannyasa-mantras. 

Devoto: Então essa é a fruta?

Srila Gurudeva: Sim, essa é a fruta.

Transcrição: Radha Madhav Das (Porto Alegre)
Revisão do texto: Gaura Hari Das (Santo Antônio do Pinhal)